SAÚDE

Palmas reforça o alerta para a vacinação de crianças e gestantes

19/05/2017 | | Assessoria de Comunicação


Foto: Josiani Almeida

A Divisão de Vigilância em Saúde de Palmas reforçou, nesta sexta-feira (19), o alerta para vacinação contra a gripe de gestantes e crianças com idade de seis meses a quatro anos. Estes são os dois únicos grupos prioritários que ainda não atingiram a meta. No geral, a cidade já atingiu 86% do público alvo da campanha, que vai até o dia 26 de maio (sexta-feira).

A vacina deste ano, serve para três subtipos do vírus da gripe Influenza que circulam no país - A/H1N1; A/H3N2 e influenza B. De acordo com a Vigilância em Saúde, 75% das crianças e 78% das gestantes foram vacinados. "Ainda existe muito preconceito, principalmente nestes dois grupos prioritários", alertou a enfermeira Marília Cristina Forest.

"Não tem possibilidade da pessoa que tomar a vacina, contrair gripe. O medicamento é preparado com vírus morto", reafirmou Marília. Segundo a enfermeira, a vacina demora em média 15 dias para fazer efeito. "Daí a necessidade de todos tomarem o medicamento o quanto antes.

Prevenção
A dona de casa Franciele Braga, de 19 anos e grávida de sete meses, se apressou para tomar a vacina o quanto antes. "É muito importante se proteger, principalmente no meu caso, que estou esperando bebê. É horrível ter gripe nesta fase", disse. Franciele aproveitou a ida no Pronto Atendimento Municipal (PAM), para vacinar também o filho de dois anos.

A caixa de super-mercado Marta Aparecida dos Santos, 28 anos, levou o bebê de seis meses para as vacinas do Calendário Básico e também da gripe. "A vacina é importante por que deixa o bebê mais protegido. Na hora ele dá uma chorada, mas é um choro que vale proteção", disse.

A dona de casa Camila Fernandes, de 18 anos, levou o bebê de 11 meses para se proteger contra a gripe. "Com a vacina, as crianças ficam protegidas de doenças também". Ela revelou que já tomou a vacina quando era gestante no ano passado.

O pedreiro José Anselmo de Almeida, de 62 anos, contou que esta é o terceiro ano consecutivo que toma a vacina. "É muito bom por que a gripe, quando dá, é bem fraquinha, um resfriado mesmo". E completou: "Já fiz uma angioplastia e agora faço de tudo que for possível para me proteger".

Panorama
Das 11,5 mil doses enviadas para Palmas pela Secretaria Estadual de Saúde, pouco mais de mil já haviam sido aplicadas até o início da tarde desta sexta-feira (19). A meta do Ministério da Saúde é atingir 90% do público alvo até o final da campanha, daqui uma semana.

Segundo a Vigilância em Saúde, a população precisa ficar atenta e não deixar para tomar a vacina em cima da hora. É importante que todos os grupos definidos busquem esta proteção dentro do prazo pré-determinado.

A vacinação está ocorrendo em todas as unidades de saúde de Palmas. Nas unidades Central e do bairro Lagoão, o atendimento é em horário estendido, até as 19h30.

O público-alvo é formado ainda por pessoas a partir de 60 anos, trabalhadores de saúde, professores das redes pública e privada, indígenas, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional e portadores de doenças crônicas não transmissíveis.


Galeria de imagens

logo TURISMO PALMAS

ENDEREÇO

Prefeitura de Palmas - PR
Avenida Clevelândia, 521 Caixa Postal 111
Tel: (46) 3263-7000
Horário de atendimento:
08:00 às 11:30 e 13:00 às 17:30